Livro: ‘Saúde é desenvolvimento: o Complexo Econômico-Industrial da Saúde como opção estratégica nacional’

Livro: ‘Saúde é desenvolvimento: o Complexo Econômico-Industrial da Saúde como opção estratégica nacional’

Já leu



Baixe o arquivo em pdf para ler quando e onde quiser.

Sobre o Livro digital

Com linguagem clara e sem tecnicidade, o livro busca um diálogo com a sociedade, ao apontar, entre outros aspectos, que a base produtiva e tecnológica em saúde (CEIS) no Brasil não tem acompanhado as crescentes necessidades de saúde da população, refletindo-se “na desigualdade e na segmentação do acesso aos bens e serviços em saúde” e, consequentemente, gerando obstáculos à expansão do SUS.

Entre as propostas, os pesquisadores indicam que o país deve aproveitar os novos paradigmas tecnológicos em curso, propiciados pela Revolução 4.0, com suas novas formas de produção do conhecimento, calcadas na transdisciplinaridade e orientadas aos desafios da saúde e da sustentabilidade, para estruturar um novo padrão de desenvolvimento, reforçando a centralidade da CT&I para economia, bem-estar e sustentabilidade. Nesse novo modelo de desenvolvimento a economia estará a serviço da vida.



Assista: autores destacam pontos-chave do livro




Saúde é Desenvolvimento: o Complexo Econômico-Industrial da Saúde como opção estratégica nacional

Prefácio:

Nísia Trindade Lima


Autores:

Carlos Gadelha (Coord.), Denis Gimenez (Coord. Adj), José Cassiolato (Coord. Adj), André Krein, Anselmo dos Santos, Antonio Cruz, Bruno Moretti, Camila Veneo Campos Fonseca, Carolina Bueno, Cecilia Lustosa, Celio Hiratuka, Clarice Araújo, Cristina Lemos, Esther Dweck, Felipe Kamia, Fernando Sarti, Gabriela Maretto, Gabriela Podcameni, Gabriela Rocha, Grazielle David, Helena Lastres, Igor Bueno, José Maldonado, Juliana Cajueiro, Juliana Moreira, Karla Bernardo M Montenegro, Leandro Safatle, Lucas Teixeira, Marcelo Manzano, Marcelo Matos, Marco Nascimento, Marco Vargas, Maria Fernanda Godoy Cardoso de Melo, Maria Lucia Falcón, Marina Szapiro, Nathália Alves, Paulo Cavalcanti, Pedro Rossi, Rodrigo Sabbatini, Sérgio Castro, Thiago Sugimoto e Valdênia Apolinario.