‘Políticas de austeridade e seus impactos na saúde’, por Joyce Mendes Schramm. Acesse esse e outros textos

‘Políticas de austeridade e seus impactos na saúde’, por Joyce Mendes Schramm. Acesse esse e outros textos

Já leu

O Centro de Estudos Estratégicos da Fiocruz dá início à serie Futuros do Brasil – Textos para debate, que reúne artigos produzidos por pesquisadores associados ao CEE, voltados a divulgar análises e dados que propiciem discussões acerca de um projeto de desenvolvimento para o país. 

O texto que inaugura a série é Políticas de austeridade e seus impactos na saúde, dos pesquisadores Joyce Mendes de Andrade Schramm, da Escola Nacional de Saúde Pública Sergio Arouca (Ensp/Fiocruz), Rômulo Paes-Sousa, do Centro de Pesquisas René Rachou da Fiocruz, e o Luiz Villarinho, colaborador do CEE-Fiocruz. Estão reunidos aqui também os artigos já publicados nas séries Futuros do Brasil – Artigos e Futuros do Brasil – Ideias para ação. 

 

Clique no link para acessar.

Textos para debate. Nº 1 – Políticas de austeridade e seus impactos na saúde 
Joyce Mendes Andrade Schramm, Rômulo Paes-Sousa e Luiz Villarinho

Textos para debate. Nº 3 – A auditoria da dívida e o necessário aumento dos gastos com a saúde Maria Lúcia Fatorelli e Rodrigo Ávila

Textos para debate. Nº 4 – Reforma da Previdência: contexto atual, pós-verdade e catástrofe Maria Lúcia Werneck Vianna

Textos para debate. Nº 5. Na contramão da financeirização: preservar a provisão pública no século XXI Lena Lavinas

Textos para debate. Nº 6. Subfinanciamento e orçamento federal do SUS: referências preliminares para a alocação adicional de recursos Francisco Funcia

Textos para debate. Nº 7. A saúde no capitalismo financeirizado em crise: o financiamento do SUS em disputa Áquilas Mendes

Textos para debate. Nº 8. Resistência democrática e direitos sociais: o papel da reserva internacional para financiar o SUS Carlos Ocké-Reis

Textos para debate. Nº 9. O SUS e o setor privado assistencial Ligia Bahia

Textos para debate. Nº 10. Estado de Coisas institucional na política pública de saúde brasileira Élida Graziane Pinto